A Fazenda está em Portugal

[nggallery id=280]

Luiz Fernando, padre Christian Heim e padre Paulo, estiveram cinco dias em Portugal. Conheceram a estrutura em parte construída onde será a Fazenda da Esperança. E o contato com a comunidade foi animador. Boa leitura!

“Chegamos a Lisboa no dia 17 de setembro, à noite. Fomos recebidos calorosamente por Pedro Pinho e pela Irmã Maria Alice, logo no aeroporto, sentimos um grande clima de família. Pedro nos levou para sua casa, onde dormimos.

No dia 18, visitamos as irmãs Clarissa e as Dominicanas. À tarde, nos encontramos com a responsável da AIS que ficou muito contente. Logo após, partimos em direção a Celorico da Beira, lugar onde está localizada a Fazenda da Esperança.

Fomos recebidos pelo padre Carlos e assim que chegamos ele nos colocou no carro e nos levou para a Fazenda assim pudemos ver as obras. No caminho estávamos todos ansiosos, pois conhecíamos somente pela Internet. Foi muito forte quando chegamos e vimos as obras como estavam adiantadas.

No dia 19, tivemos um encontro com o Bispo de Guarda, o qual estava muito entusiasmado e perguntou varias vezes ‘quando vocês vão começar?’… Ali tive a oportunidade de contar um pouco minha experiência de como cheguei na Fazenda e  também a experiência que fazemos na Fazenda de Xanten, onde percebemos a cada dia que a Fazenda é Igreja e Igreja é Fazenda, como disse o Bispo de Münster.

Na parte da tarde nos reunimos com padre Carlos, padre Martins e com o Pedro para tratarmos de assuntos práticos. Também queríamos ouvir um pouco de cada um deles quais eram as alegrias e as cruzes?

No dia 20, encontraram-se com arquiteto, engenheiro, mestres de obras e várias novas ideias foram implantadas para a melhoria da casa da Fazenda. Também receberam uma doação animadora aos trabalhadores dessa obra citados acima.

No dia 21, na visita as Carmelitas que também tem acompanhado a Fazenda desde o começo com suas orações, conhecemos uma musica que elas compuseram para a Fazenda em Portugal e o refrão dizia “um tijolo, outro tijolo, vamos construir… tu és tijolo eu sou tijolo, a Fazenda vai subir…”.

Minha impressão pessoal é que Deus tem um plano muito grande para a Fazenda nesta terra. Foi muito forte em ver quão presente a Fazenda está em Portugal sem mesmo estar lá, encontrar pessoas na rua com camisetas da Fazenda, jovens, crianças, idosos e ver a movimentação das pessoas para que a obra chegue até Portugal. Ver que antes mesmo de ter um espaço concreto Deus tem construído a Fazenda através da vida e do suor de cada pessoa”, escreveu Luiz Fernando Braz voluntário brasileiro que se doa na Fazenda da Alemanha.

Uma ideia sobre “A Fazenda está em Portugal

  1. Valmir

    poxa que legal, eu conheci a Fazenda de lá em maio do ano passado, ainda quando era só o projeto e só o terreno
    tenho fotos de lá
    Deus tem pressa mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *